Uso de Nutrientes nas Desordens Neurodegenerativas

Estudos Científicos
14/abr/2022

Aumentam a Capacidade Antioxidante, a Função Cognitiva e a Qualidade de Vida

Uso de Suplementos para Melhora dos Sintomas Associados com Doenças Neurodegenerativas

Auxiliam na Melhora dos Padrões Cognitivos

 

Uma das características marcantes do envelhecimento é o declínio da capacidade funcional. Força, equilíbrio, flexibilidade, agilidade e coordenação constituem variáveis afetadas diretamente por alterações neurológicas e musculares. O comprometimento no desempenho neuromuscular, evidenciado por paresia, incoordenação motora, lentidão e fadiga muscular, constitui um aspecto marcante neste processo.

 

As doenças neurodegenerativas são caracterizadas pela perda funcional progressiva de neurônios do cérebro, causando comprometimento cognitivo e incapacidade de motoneurônios. Embora as interações multifatoriais sejam evidentes, a nutrição desempenha um papel essencial na patogênese e evolução de doenças.

 

Doença Neurodegenerativa e Nutrição

Nesse contexto, a nutrição desempenha um papel importante, permitindo desenvolver plenamente o potencial físico e intelectual, sendo especialmente importante no desenvolvimento das diferentes fases da vida, desde a infância até a velhice.


O suporte nutricional exerce um efeito protetor contra o declínio cognitivo, doença de Alzheimer, doença de Parkinson. A desnutrição e a resistência à insulina representam fatores de riscos significativos.

 

A desnutrição ativa também a disfunção do eixo intestino-microbiota-cérebro que exacerba os processos neurogenerativos. A suplementação de vitaminas, ômegas e polifenóis auxiliam na proteção da degeneração dos neurônios. Alguns nutrientes são importantes nos processos de prevenção e tratamento dos distúrbios cognitivos.


Formulações para Pacientes com Doença de Alzheimer

A doença de Alzheimer (DA é caracterizada pelo acúmulo de placas amiloides e pelo dano cognitivo nos indivíduos acometidos. Dados recentes sugerem que o processo inflamatório apresenta importante papel no desenvolvimento e na progressão da DA. É uma doença cerebral progressiva e fatal, associada à redução da capacidade cognitiva e à perda de memória.

BAIXE agora o E-book gratuito!

Preencha o formulário abaixo para fazer download do material

Ao baixar este material você concorda com nossas Políticas de privacidade
A Consulfarma solicita sua coleta de dados para identificação do usuário com a finalidade de entrarmos em contato para fornecermos mais detalhes relacionados ao tema do material gratuito, com base-legal por legítimo interesse conforme a nova lei LGPD. Estes dados não serão utilizados para envio de SPAM.



Estudo Comprova

Suplementos Utilizados para Melhora dos Padrões Relacionados com os Distúrbios Neurológicos


Suplementação probiótica + selênio - A co-suplementação, em comparação com o placebo, reduziu significativamente a proteína C reativa sérica de alta sensibilidade e insulina nos pacientes com Alzheimer. Além disso, diminuiu também LDL-colesterol e relação total / HDL-colesterol, e aumentou significativamente a glutationa total e o índice quantitativo de verificação da sensibilidade à insulina. A co-suplementação de probiótico e selênio resultou em um aumento significativo nos escores do mini-mental state examination.

Licorice - Após 6 meses, houve melhora significativa do Unified Parkinson's rating scale (UPDRS) total, atividades diárias e tremor com tamanho de efeito considerável no grupo licorice. O teste motor e escores de rigidez foram significativamente melhores após 4 meses de suplementação de licorice.

PQQ  - PQQ possui a capacidade de aliviar os sintomas de declínio cognitivo relacionados à idade através de testes padronizados. O grupo PQQ superou o grupo placebo por mais que o dobro nos seus testes de memória padronizada.

Sulbutiamina - Foi realizado um estudo para avaliar a eficácia de sulbutiamina como adjuvante ao tratamento com inibidores da colinesterase em pacientes com  Alzheimer . Segundo os resultados, a terapia promoveu melhora da memória episódica, da atenção e das atividades diárias em pacientes em estágio inicial e moderado.

Referências Bibliográficas

EMANUELE BIANCHI, V. et al. Effect of Nutrition on Neurodegenerative Diseases. A Systematic Review. Nutr Neurosci. 2019 Nov 4;1-25.

TAMTAJI, O. R.; HEIDARI-SOURESHJANI, R.; MIRHOSSEINI, N.; KOUCHAKI, E. et al. Probiotic and selenium co-supplementation, and the effects on clinical, metabolic and genetic status in Alzheimer's disease: A randomized, double-blind, controlled trial. Clin Nutr, Dec 10 2018.

OLLAT, H. et al. [Effects of the association of sulbutiamine with an acetylcholinesterase inhibitor in early stage and moderate Alzheimer disease].Encephale. 2007 Mar-Apr;33(2):211-5.

NAKANO, M. et al. Effect of pyrroloquinoline quinone (PQQ) on mental status of middleaged and elderly persons. FOOD Style 21. 2009;13(7):50-3.

PETRAMFAR, P. et al. Efficacy of Oral Administration of Licorice as an Adjunct Therapy on Improving the Symptoms of Patients With Parkinson's Disease, A Randomized Double Blinded Clinical Trial. J Ethnopharmacol. 2020 Jan 30;247:112226.

17º Congresso Consulfarma

Estão abertas as inscrições para o maior evento magistral do mundo!

Programação disponível!

Autor(a)

Equipe Técnica Consulfarma
Equipe Técnica Consulfarma
Conhecimento

Nossa equipe quer muito dividir conhecimento com você, por isso postaremos por aqui assuntos relevantes para compartilhar tudo aquilo que é relevante para o mercado magistral. Aproveite!

Compartilhe este Post
Consulfarma Ads
Copyright © 2022 - Todos os Direitos Reservados. Confira nossa política de privacidade